top of page
  • Foto do escritorDeborah Queiroz

Hospital de Amor: senadora Soraya é escolhida madrinha de projeto de prevenção ao câncer em mulheres

Atualizado: 26 de jun. de 2020

No dia 04 de novembro será inaugurado um Centro de Diagnóstico Móvel em Dourados-MS



A senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) foi escolhida a madrinha do projeto de prevenção e rastreio do câncer de mama e do colo do útero do Hospital de Amor em Mato Grosso do Sul. A parlamentar vai destinar cerca de R$ 500 mil em recursos de emendas para ajudar a instituição a expandir o projeto no estado.


Já no próximo dia 04 de novembro será inaugurado um Centro de Diagnóstico Móvel (Carreta) na cidade de Dourados, que irá atender mulheres de toda a região com consultas e exames preventivos gratuitos.


A carreta tem capacidade de receber 110 mulheres por dia para realizar os exames papanicolau e mamografia. No mês, serão feitos 2,5 mil atendimentos em média. A meta do projeto é eliminar, em apenas 3 anos, a mortalidade feminina causada pelo câncer do colo do útero e de mama.


A instituição utiliza métodos avançados para detectar possíveis tumores em estágio inicial, aumentando as chances de cura dos pacientes. De acordo com o Dr. Wilson Xavier, um dos coordenadores do Hospital de Amor, o projeto de prevenção e rastreio de câncer do hospital é um dos mais modernos e exclusivos do mundo. Apenas o Brasil e a Holanda utilizam tal tecnologia.


“Poder apadrinhar um projeto tão importante, que acolhe tantas mulheres, me deixa muito honrada. Iniciativas como essa devem ser apoiadas para que mais pessoas tenham a chance de viver. A população de Mato Grosso do Sul pode contar comigo para auxiliar e incentivar projetos tão bonitos como esse”, garante a senadora Soraya Thronicke.

Hospital de Amor


O famoso Hospital do Câncer de Barretos, agora conhecido como Hospital de Amor, é uma instituição filantrópica especializada no tratamento e prevenção de câncer, e atua em 11 estados brasileiros. Mato Grosso do Sul conta atualmente com duas unidades: Campo Grande e Nova Andradina, ambas com os centros de atendimentos fixos e móveis.


Em Dourados, os atendimentos na unidade fixa estão previstos para começar no início de 2020, logo após a inauguração do Centro de Diagnóstico Móvel no próximo mês.

19 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page